Novo comandante do 12ºBPM assume e promete ‘sufocar a bandidagem’

Ao assumir o comando do 12º Batalhão de Polícia Militar, que atua no patrulhamento de Niterói e Maricá, o tenente-coronel Sylvio Ricardo Ciuffo Guerra afirmou que em sua gestão vai “sufocar a bandidagem”. Segundo ele, nos batalhões em que passou sempre imprimiu a sua marca.
“Comandei em Itaperuna o 29ºBPM e em São Antônio de Pádua o 36ºBPM. Sempre trabalhei focado no tráfico de drogas e na marginalidade. Vou trabalhar nisso para reduzir os demais índices e isso sempre deu certo, sempre atuei desta maneira e o resultado sempre foi positivo e quem ganha com isso é a sociedade para quem vou trabalhar”, ressaltou.

Ele entrou no lugar do tenente-coronel Márcio Guimarães, que ficou a frente do 12º BPM por cerca de oito meses e disse que o objetivo é gerar a segurança para a sociedade com muito trabalho.

“Vamos dar continuidade ao trabalho do tenente-coronel Márcio Guimarães, reduzir ainda mais as metas que estão sendo colocadas e trabalhar unidos com as polícias civil e federal e em parceria com a sociedade, organizações civis organizadas e a Prefeitura”, disse o novo comandante.

Segundo ele, neste momento de crise é preciso a união entre os órgãos de segurança com a sociedade.
“Vamos chegar analisando diversos projetos, vou buscar informações sobre a CPI que foi aprovada na Câmara de Vereadores e em breve teremos novidades para as populações de Niterói e Maricá que devem ter a tranquilidade que merecem. Precisamos atender a sociedade essa é a obrigação do 12ºBPM”, declarou.

Sylvio Ricardo Ciuffo Guerra mora em Niterói e possui estreita relação com o batalhão. Durante a transmissão do comando, disse que vai tomar conhecimento de ações necessárias para a cidade através de reuniões com o secretário de Ordem Pública, Gilson Chagas e com o coronel Paulo Henrique, secretário-executivo do Gabinete de Gestão Integrada Municipal.

Na cerimônia que contou com lideranças políticas da região, Paulo Bagueira (SDD), prefeito interino em Niterói, disse que atuará em parceria com integrantes das forças de segurança.

“O tema de segurança pública na Câmara é muito discutido para ajudar o estado. É importante a intervenção do município ao apoio a segurança pública”, disse Bagueira.

Bagueira falou sobre a importância da valorização da polícia militar na cidade e disse que vai convocar mais 142 guardas municipais para a cidade para auxiliar a segurança.
“O novo comandante terá o apoio do nosso município, da cidade pra que possamos juntos construir o dia a dia do cidadão niteroiense”, declarou.

O presidente da Comissão de Segurança da Câmara, vereador Renato Carrielo (PDT) aproveitou a ocasião para rever amigos e falou do trabalho do novo comandante.

“A oxigenação da polícia militar com a chegada do novo comandante certamente contribuirá muito para a segurança da cidade”, realçou o vereador.
O vereador João Gustavo disse que havia acabado de sair de uma clínica onde fazia um check up para prestigiar a solenidade.
“Espero melhoras para a cidade em vista do que já está sendo feito pela prefeitura pela própria segurança”, afirmou.

O deputado eleito Carlos Jordy (PSL) salientou as passagens rápidas dos comandantes no município.
“Talvez por Niterói ser uma cidade com uma população de alto poder aquisitivo e que esteja passando por uma questão de violência tão grande que a população pede por medidas enérgicas com soluções imediatas para conter a insegurança e obviamente não é um trabalho tão rápido e os comandantes acabam pagando o preço”, lamentou.

O pai do novo comandante, o coronel Sylvio Guerra (que ocupou o posto de comandante do 12o BPM entre os anos de 1991 a 1993) marcou presença na troca de comando. Também marcaram presença o coronel Wilton Ribeiro coordenador do Grupo Executivo para o Crescimento Ordenado de Preservação das Áreas Verdes (Gecopav), Luis Paulino, secretário de Industria Naval e o presidente do PSC-Niterói Carlos Emir Laranjeira. Entre os políticos estavam também os deputados estaduais eleitos Gustavo Schmidt e Fernando Salema, amos do PSL, e o federal Filipe Poubel (PSL), além dos vereadores Leandro Portugal (PV), Beto da Pipa (MDB) e Paulo Velasco (Avante).

Por Wellington Serrano AtribunaRJ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bem vindo ao shopping ZN, fique a vontade, realize suas compras com segurança e rapidez! Dispensar