Instituição amplia benefícios para estudantes de todo o Brasil durante o isolamento social

Rio de Janeiro – Para apoiar as famílias que tenham sofrido perda econômica na crise do novo coronavírus e, com isso, garantir a continuidade dos estudos de seus alunos, a Estácio lançou proativamente, ainda em março, o edital “Estácio com você”, oferecendo benefícios por mês de quarentena, entre bolsas integrais e flexibilizações de pagamento de mensalidades. O programa, que teve início no estado Rio de Janeiro, é uma iniciativa pioneira da instituição e foi ampliado para atender os alunos da instituição em todo o Brasil. No Rio, mais de 10 mil alunos já foram beneficiados, sendo mais de nove mil isenções de mensalidades no primeiro ciclo do programa, incluindo graduandos de Medicina, e mais nove mil estudantes abriram novas solicitações para o segundo ciclo.

Podem solicitar os benefícios do Programa os alunos de todos os cursos de graduação (modalidades presencial e a distância) renovados e matriculados no 1º semestre letivo de 2020 (20.1) e que não tenham sido beneficiados pelo Seguro Educacional, também oferecido pela Estácio. O primeiro passo para o estudante pleitear o benefício é preencher o requerimento diretamente pelo portal do aluno, no site da Estácio, declarando a renda familiar atual e os motivos que levaram a redução ou perda dos rendimentos em decorrência da pandemia da COVID-19.

Os estudantes contemplados por este programa poderão ser beneficiados com a isenção integral de uma ou mais mensalidades ou com a flexibilidade no pagamento, seja por meio de prorrogação ou de parcelamento em até 12 vezes. Os benefícios de proteção perdem sua validade na eventualidade de dispositivos legais, administrativos ou judiciais alterarem a política de mensalidades do setor de ensino superior.

Os ciclos de avaliação para concessão dos benefícios iniciaram em abril e se estenderão até junho, somando ao todo três ciclos mensais. As solicitações recebidas serão respondidas em até 20 dias após a data final de cada ciclo, com a informação sobre a aprovação ou não do benefício. O regulamento completo está disponível no site estacio.br/regulamentos<http://estacio.br/regulamentos> .

“Nossos alunos são nossa prioridade. Ainda no início da quarentena, percebemos que muitos deles, que sustentam famílias, poderiam ter a renda comprometida e prejudicar o andamento dos estudos. Para reduzir os efeitos futuros, estabelecemos esse compromisso, pensando naqueles que serão mais fortemente afetados”, explica Adriano Pistore, vice-presidente de Operações Presenciais da Estácio.

Desde o início das medidas de contenção ao novo coronavírus, a Estácio vem trabalhando para oferecer as melhores condições de estudo para seus mais de 300 mil alunos dos cursos presenciais. Apenas uma semana após o decreto de isolamento social, a instituição colocou no ar uma plataforma nova, com aulas ao vivo pela internet, totalmente diferente da oferecida nos cursos à distância (EAD). Os alunos começaram a ter aulas com os mesmos professores e horários da grade presencial, com interação, chat, discussões e dúvidas, além de poderem acessar as aulas gravadas posteriormente. Pesquisa nacional com os estudantes mostrou que 94% aprovam a plataforma, que registra índices de presença iguais ou maiores que nas aulas presenciais.

Para implementar a nova plataforma, a Estácio investiu em infraestrutura digital e aumento da capacidade dos servidores, além de treinar os professores para a nova realidade. A instituição firmou ainda parceria com operadoras de telecomunicações, para oferecer melhores condições em planos de acesso à internet para seus alunos, e com lojas de departamento, para oferecer condições especiais na compra de equipamentos. A Estácio criou um hotsite especial para fornecer informações sobre a situação das aulas para os alunos, além de disponibilizar nos canais informações sobre utilidade pública, como, por exemplo, dicas para estudar on-line, de saúde e de educação financeira.

Por Fabio Barros – Approach Comunicação

ZN Noticias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *