Em Silva Jardim, padrasto é preso por amarrar e estuprar enteada de 13 anos

As investigações apontam que o homem aproveitava o momento em que ficava sozinho com os filhos da sua companheira, pois a mesma saía de casa para fazer um tratamento de saúde. O suspeito então, mandava as crianças mais novas brincar no quintal, levava e amarrava a vítima pelos punhos e tornozelos na cama de um dos quartos e cometia os abusos.

O acusado de amarrar e estuprar a enteada, de 13 anos, foi preso por policiais civis da 120ª DP (Silva Jardim) nesta quarta-feira (28/07). Ele foi localizado e preso no bairro Caxito, no município de Silva Jardim, após denúncia e um trabalho de inteligência e monitoramento. 

Nesta ultima quarta-feira, uma equipe da polícia civil foi até o bairro Caxito, onde fica a nova casa do criminoso, e realizou a prisão. Ele não resistiu à abordagem e foi conduzido à 120ª DP e será transferido ao presídio na cidade do Rio de janeiro, onde permanecerá preso à disposição da justiça.

Os crimes aconteceram entre os anos de 2018 e 2019. Além do estupro, as investigações apontaram que o acusado fazia ameaças de morte à menina caso ela contasse a outras pessoas sobre os abusos realizados por ele.

Por Redação ZN Noticia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *